sexta-feira, agosto 07, 2009

Dia dos Pais

O Dia dos Pais está se aproximando. Assim como o Dia das Mães, o Natal e o Dia dos Namorados, o Dia dos Pais é uma data de extrema importância no calendário comercial. É notável o comércio usar a figura paterna de forma apelativa para o filho comprar alguma coisa para presentear o seu pai. O filho que não dá presente para o pai parece ser uma pessoa que não dá importância ao homem que proporcionou a vida e o criou, ou está educando. Não é uma idéia agradável que comprar presente é sinônimo de demonstrar amor ao pai, pois dá a noção que ser pai é ganhar presentes do filho.

Deixando de lado o caráter comercial, a data é uma oportunidade de agradecer ao seu pai pela presença em sua vida e fortalecer o laço familiar. Assim como ser mãe, ser pai não é tarefa simples, pois possui uma série de responsabilidades e exige dedicação junto ao filho.

Começo aqui a fazer uma pequena e sincera homenagem ao meu querido pai. Ele me deu tantas coisas boas na minha vida: alimentação, moradia, brinquedos e jogos, roupas, calçados, passeios, viagens, amor, atenção, carinho, segurança, companheirismo, respeito, amizade, gargalhadas, estímulo à leitura e aos estudos, inúmeros conselhos, socorro nos momentos difíceis, apoio nas minhas decisões... Ufa, vou parando por aqui, pois a lista está ficando enorme.

Para mim, mais importante que todas essas coisas que foram citadas é o seu caráter. Foi observando a sua atitude diante de diversas situações da vida que moldou o meu ser. Mais que suas palavras e seus hábitos, é o seu caráter que marca a minha vida até hoje.

Enfim, agradeço a Deus pelo pai que tenho em minha vida. Agradeço ao meu pai pela vida que tenho.

Aos que são pais, estejam sempre atentos no seu caráter para que seus filhos tragam muitas alegrias.

Aos que desejam ser pai, pensem com seriedade na dedicação que vão ter com os seus filhos.

Aos filhos, não dêem apenas presentes, dêem muitos abraços, carinhos e palavras amigas para o seu pai. Se não tem presente, não há problema. Seu pai vai ficar muito contente por se lembrar dele e ganhar muitos abraços, carinhos e palavras amigas.

Aos filhos que não têm mais os pais no nosso planeta, aproveitem a data para relembrar os momentos que viveram juntos e pensar na importância do pai em sua vida.

Parabéns a todos que aceitaram o desafio de serem pais!

Postado por Lu Vieira

Gostou do texto? Cadastre-se ali no topo esquerda e receba mais posts no seu email. É grátis!

10 comentários:

  1. Olá!!! tudo bem?

    Tem uma promo lá no meu blog! Passa lá para prestigiar!

    Beijos e ótimo fds!

    ResponderExcluir
  2. Companheiros de postagens agora?
    Abraço a todos!

    ResponderExcluir
  3. Os nossos pais são eternamente os nossos melhores amigos.

    É lamentável a apropriação dos nossos melhores sentimentos por essa coisa comercial das datas disto e daquilo.

    Um abraço

    ResponderExcluir
  4. Assim, eu sei que pode soar rude, mas pra mim essa data nunca significou nada.
    Meu pai morreu quando eu tinha 3 anos e não tenho nenhuma lembrança dela. Acho que bloqueei, sei lá. E esse dia, na época da escola, era o dia que todas as crianças apresentavam seus pais e eu ficava vendo. Então, assim, desculpa, mas eu sei o que é essa data.

    Imagino que ser pai é uma coisa extremamente difícil, assim como ser mãe. Então, desejo que os pais e os filhos valorizem estes tais momentos que você citou, porque nem todo mundo tem essa chance.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi Carla! Tudo bem, graças a Deus. Pode deixar que irei lá para prestigiar. Tenha também um ótimo fds! Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Sim, Emanuela, agora somos companheiros de postagens. Espero que a minha entrada neste blog agrade a todos. Abraço pra você também!

    ResponderExcluir
  7. Carlos, concordo com você! Devemos lembrar que nossos pais sempre são nossos amigos. É muito bom ter um pai amigo! E não precisamos demonstrar o amor a ele somente no dia dos pais. Podemos fazer isso em qualquer dia.

    ResponderExcluir
  8. Stella, você não está demonstrando rudeza. Afinal, você não teve a experiência de ter um pai perto de você, pois ele partiu cedo. É muito difícil lembrar dele se você tinha apenas 3 anos. Deve ter sido difícil para você ver os colegas apresentando os seus pais na escola.

    É isso aí, quem tem pai deve valorizar os momentos que vive com ele. Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Lu, querida... Parabéns pelo seu texto. O "Tio" Jair deve se alegrar muito no Dia dos Pais, pela excelente filha que tem.
    Bjs, Adri

    ResponderExcluir
  10. Obrigada, Adri! Sim, ele ficou muito alegre. Tanto ele como a mãe agradeceram pelos filhos que eles têm. Bjs!

    ResponderExcluir

Se você se deu ao trabalho de escrever então nós iremos responder.